Filmes que falam sobre adoção

0 11

Você está pesquisando por filmes que falam sobre adoção? Conheçam os filmes que mais fizeram sucesso.

Muitos casais sofrem porque não podem ter filho, ao mesmo tempo em que alguns pais e mães solteiras não podem cuidar de seus filhos por diferentes razões, e acabam levando-os para doção, sem contar nas crianças que ficaram órfãos e não há representantes legais para cuidar delas.

Para motivar as pessoas a adotarem e dar um lar com amor e carinho para crianças que precisam de cuidados, além de demonstrar como a situação pode ser difícil, há diversos filmes produzidos, os quais tiveram grande impacto no cinema ao redor do mundo, com histórias emocionantes e comoventes.

Confiram a seguir quais são os filmes que falam sobre adoção:

Filmes sobre adoção

Leão

Depois de se perder em uma estação de trem na Índia, um menino de cinco anos é adotado por um casal australiano, interpretado por Nicole Kidman e David Wenham. 25 anos depois, o jovem Leão ( Dev Patel ) tenta reconstruir seu passado e reunir-se com sua família.

Uma tarefa não fácil, dada a vastidão de seu país de origem e as poucas lembranças que ele tem de sua infância. Uma história, baseada em fatos reais, que reflete os sentimentos contraditórios de crianças adotadas que, apesar de terem uma nova família, procuram reconstruir suas origens.

Juno

Juno  (Ellen Page) ficou grávida na adolescência, mas ela e seu amigo Mark ( Michael Cera ) têm apenas 16 anos de idade. O que eles farão com o bebê? Depois de descartar o aborto, Juno decide encontrar o casal perfeito para ficar com a criança, escolhendo Vanessa Loring (Jennifer Garner) e seu marido. Uma tragicomédia que reflete os dilemas de quem dá um bebê para adoção e o desejo fervoroso de quem quer adotá-lo.

Manchester de frente para o mar

Após a morte de seu irmão Joe (Kyle Chandler), Lee Chander ( Casey Affleck ) tem que assumir a guarda de Patrick, seu sobrinho adolescente ( Lucas Hedges ). Uma história dramática, sobre como eles enfrentarão essa nova vida juntos, entre acordos e desacordos e com o grande drama do passado de Lee sobrevoando o relacionamento deles, sem permitir que eles confiem na possibilidade de ser uma família real.

Um drama altamente valorizado pelos críticos (em grande parte pela atuação do irmão mais novo de Ben Affleck).

Meu malvado favorito

Gru é um supervilão. Ele passa seus dias entre crimes, ajudado pelo Dr. Nefario e os Minions. Um dia, quando uma missão o resiste, ele decide contar com a ajuda de Margo, Edith e Agnes, três meninas órfãs que podem servir como chamariz.

Depois de adotar as meninas, nada corre como ele pensava. Gru está muito ocupado entre o barulho da casa, as aulas de balé e suas novas ocupações como pai, para continuar com a missão que tinha em mente. E as meninas vieram para ficar, para revelar a faceta mais tenra do vilão mais adorável que acaba mudando os seus conceitos pelo amor que sente pelas filhas adotivas.

Um sonho possível

Este filme conta a verdadeira história do jogador profissional de rugby Michael Oher, que, aos 17 anos, foi adotado por uma família do Tennessee.

No filme, Sandra Bullock dá vida à mãe, Leigh Anne Tuohy, que, depois de conhecer Michael (Quinton Aaron), decidiu, junto com seu marido Sean (Tim McGraw ), incorporá-lo à sua família. Um gesto de generosidade fundamental para o jovem, que conseguiu ter sucesso no mundo do esporte graças ao apoio de seus novos pais.

A menina que roubava livros

Durante a ocupação nazista, a jovem Liesel (Sophie Nélisse), de origem judaica, é acolhida por um casal de alemães, Hans e Rosa ( Geoffrey Rush e Emily Watson ). Será com o pai adotivo que a menina começará a ter mais contato, pois ele a ensinará a ler e a deixar consultar sua biblioteca.

Os livros se tornarão o refúgio simbólico da menina, preenchendo de certa maneira o vazio da perda de sua família.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.